Vanessa Silva Souza & Outros (Orgs.) – Comportamento Sexual De Estudantes Universitários

Esta obra trata da evolução das concepções, atitudes e comportamento sexual de estudantes universitários ao longo de sua formação acadêmica.

Vanessa Silva Souza, Michelle Gomes Santos, Marisa De Oliveira Apolinário & José Franscidavid Barbosa Belmino (Orgs.) – Comportamento Sexual De Estudantes Universitários: Evolução Das Concepções E Atitudes Ao Longo Da Formação

Sem dúvida alguma, um dos aspectos mais interessantes sobre o comportamento humano é a sua sexualidade, pois poucas realidades conseguem exercer tanto fascínio no ser humano como esta.

Entre os aspectos que compõem a identidade de um indivíduo, a sexualidade provavelmente é a que desempenha o papel mais central na esfera que é a vida do ser humano, ao abranger elementos como gênero, orientação sexual, papel sexual, identidade, sexo (prática sexual), luxúria, intimidade, prazer e reprodução, sendo intensamente experienciada no pensar, fantasiar, desejar; e exprimida em discussões, condutas, princípios, convenções, atitudes e relacionamentos.

Apesar do seu vasto alcance, englobando não somente aspectos físicos como também sentimentais, a sexualidade pode não ser vivida ou expressa tão plenamente, em todos os seus âmbitos, por ser fortemente influenciada pelas interações com fatores psicossociais.

Sendo a sexualidade um fator tão importante na vida do ser humano, por que ainda é tão difícil conversar sobre ela? Mesmo que se presuma que essas discussões devam se iniciar no âmbito familiar, na família, muitas das vezes, essa temática não é abordada.

E a escola deveria promover um espaço para uma discussão mais qualificada, em que o debate sobre sexualidade acontecesse? A educação sexual é uma necessidade. As iniciativas sexuais dos jovens e adolescentes precisam ter a clareza necessária para que possam exercê-la da forma mais saudável e segura possível.

Mas como a formação e informação podem ser um agente transformador? Entre os jovens, os que são universitários poderiam apresentar uma conduta sexual diferenciada, com mais responsabilidade e proteção?

Com o intuito de responder a esses questionamentos é que este livro foi elaborado, a fim de contribuir com a orientação de iniciativas que visam a políticas para atenuar os riscos de contrair infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), a gravidez indesejada, além da promoção à plena formação de professores capazes de proferir sobre a temática educação sexual com eficácia. Nele será possível encontrar dados e informações que fornecem subsídios para reflexão e compreensão da importância da proposta deste livro.

Essencialmente, este trabalho evidencia o que há de mais belo e necessário acerca do comportamento sexual humano, mais precisamente sobre a evolução das concepções, atitudes e comportamento sexual de estudantes universitários ao longo de sua formação acadêmica.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta

Vanessa Silva Souza & Outros (Orgs.) – Comportamento Sexual De Estudantes Universitários

Esta obra trata da evolução das concepções, atitudes e comportamento sexual de estudantes universitários ao longo de sua formação acadêmica.

Vanessa Silva Souza, Michelle Gomes Santos, Marisa De Oliveira Apolinário & José Franscidavid Barbosa Belmino (Orgs.) - Comportamento Sexual De Estudantes Universitários: Evolução Das Concepções E Atitudes Ao Longo Da Formação

Sem dúvida alguma, um dos aspectos mais interessantes sobre o comportamento humano é a sua sexualidade, pois poucas realidades conseguem exercer tanto fascínio no ser humano como esta.

Entre os aspectos que compõem a identidade de um indivíduo, a sexualidade provavelmente é a que desempenha o papel mais central na esfera que é a vida do ser humano, ao abranger elementos como gênero, orientação sexual, papel sexual, identidade, sexo (prática sexual), luxúria, intimidade, prazer e reprodução, sendo intensamente experienciada no pensar, fantasiar, desejar; e exprimida em discussões, condutas, princípios, convenções, atitudes e relacionamentos.

Apesar do seu vasto alcance, englobando não somente aspectos físicos como também sentimentais, a sexualidade pode não ser vivida ou expressa tão plenamente, em todos os seus âmbitos, por ser fortemente influenciada pelas interações com fatores psicossociais.

Sendo a sexualidade um fator tão importante na vida do ser humano, por que ainda é tão difícil conversar sobre ela? Mesmo que se presuma que essas discussões devam se iniciar no âmbito familiar, na família, muitas das vezes, essa temática não é abordada.

E a escola deveria promover um espaço para uma discussão mais qualificada, em que o debate sobre sexualidade acontecesse? A educação sexual é uma necessidade. As iniciativas sexuais dos jovens e adolescentes precisam ter a clareza necessária para que possam exercê-la da forma mais saudável e segura possível.

Mas como a formação e informação podem ser um agente transformador? Entre os jovens, os que são universitários poderiam apresentar uma conduta sexual diferenciada, com mais responsabilidade e proteção?

Com o intuito de responder a esses questionamentos é que este livro foi elaborado, a fim de contribuir com a orientação de iniciativas que visam a políticas para atenuar os riscos de contrair infecções sexualmente transmissíveis (ISTs), a gravidez indesejada, além da promoção à plena formação de professores capazes de proferir sobre a temática educação sexual com eficácia. Nele será possível encontrar dados e informações que fornecem subsídios para reflexão e compreensão da importância da proposta deste livro.

Essencialmente, este trabalho evidencia o que há de mais belo e necessário acerca do comportamento sexual humano, mais precisamente sobre a evolução das concepções, atitudes e comportamento sexual de estudantes universitários ao longo de sua formação acadêmica.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta


Desenvolvido pela Quanta Comunicação