Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico

Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico: Um Debate Sobre A Tecnociência - O livro de Renato Dagnino é, assumidamente, uma obra com o traço da emoção. A escolha do tema vem da vida, da trajetória do autor, desde sua infância. Seu contexto é aquele comum a todos nós, o que nos marca como cientistas e pensadores – o paradigma da ciência moderna, com suas promessas de progresso e grandes avanços a partir da ciência e da tecnologia.


As raízes teórico-políticas da reflexão empreendida por Dagnino encontram-se na engenharia (que cursou), no desenvolvimentismo cepalino, no debate latino-americano sobre imperialismo, modernização, dependência e na ideia do uso da ciência e tecnologia para promover a igualdade social.
O pensamento latino-americano sobre ciência, tecnologia e sociedade impressionou seus estudos e seu objetivo de formular um modelo (descritivo e normativo) alternativo à Teoria da Inovação (hegemônica nos países do centro capitalista).
O autor indica a finalidade eminentemente didática de Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico, afirmando que o mesmo reflete sua vivência como analista da política de ciência e tecnologia (C&T) brasileira e latino-americana e, também, participante do contexto de sua elaboração.
Uma questão recorrente que busca responder desde suas primeiras incursões na área: porque a política de C&T latino-americana distancia-se das demandas sociais, mantém-se como ponto importante e bastante central no debate empreendido em Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico.
Dagnino revisa extensa bibliografia (internacional e latino-americana) no campo dos Estudos Sociais da Ciência e Tecnologia (ESCT) e classifica o modo como esses estudos abordam a relação ciência-tecnologia-sociedade em duas grandes categorias: “...a primeira possui como foco privilegiado de análise, ou como elemento determinante da dinâmica da relação, o seu primeiro pólo, a C&T, enquanto a segunda, a sociedade”, subdivididas, por sua vez em quatro variantes.
A preocupação central de Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico gira, portanto, em torno do papel que ciência e tecnologia podem desempenhar na mudança social, visando especificamente, ampliar um debate que possa aportar subsídios no sentido de re-orientar a política de C&T de um país periférico e alavancar um estilo de desenvolvimento alternativo...

Links para Download

Link Quebrado?

Caso o link não esteja funcionando comente abaixo e tentaremos localizar um novo link para este livro.

Deixe seu comentário

Mais Lidos

Blog

Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico

Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico: Um Debate Sobre A Tecnociência – O livro de Renato Dagnino é, assumidamente, uma obra com o traço da emoção. A escolha do tema vem da vida, da trajetória do autor, desde sua infância. Seu contexto é aquele comum a todos nós, o que nos marca como cientistas e pensadores – o paradigma da ciência moderna, com suas promessas de progresso e grandes avanços a partir da ciência e da tecnologia.
As raízes teórico-políticas da reflexão empreendida por Dagnino encontram-se na engenharia (que cursou), no desenvolvimentismo cepalino, no debate latino-americano sobre imperialismo, modernização, dependência e na ideia do uso da ciência e tecnologia para promover a igualdade social.
O pensamento latino-americano sobre ciência, tecnologia e sociedade impressionou seus estudos e seu objetivo de formular um modelo (descritivo e normativo) alternativo à Teoria da Inovação (hegemônica nos países do centro capitalista).
O autor indica a finalidade eminentemente didática de Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico, afirmando que o mesmo reflete sua vivência como analista da política de ciência e tecnologia (C&T) brasileira e latino-americana e, também, participante do contexto de sua elaboração.
Uma questão recorrente que busca responder desde suas primeiras incursões na área: porque a política de C&T latino-americana distancia-se das demandas sociais, mantém-se como ponto importante e bastante central no debate empreendido em Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico.
Dagnino revisa extensa bibliografia (internacional e latino-americana) no campo dos Estudos Sociais da Ciência e Tecnologia (ESCT) e classifica o modo como esses estudos abordam a relação ciência-tecnologia-sociedade em duas grandes categorias: “…a primeira possui como foco privilegiado de análise, ou como elemento determinante da dinâmica da relação, o seu primeiro pólo, a C&T, enquanto a segunda, a sociedade”, subdivididas, por sua vez em quatro variantes.
A preocupação central de Neutralidade Da Ciência E Determinismo Tecnológico gira, portanto, em torno do papel que ciência e tecnologia podem desempenhar na mudança social, visando especificamente, ampliar um debate que possa aportar subsídios no sentido de re-orientar a política de C&T de um país periférico e alavancar um estilo de desenvolvimento alternativo

https://livrandante.com.br/produto/camisa-pilha-de-livros/

Link Quebrado?

Caso o link não esteja funcionando comente abaixo e tentaremos localizar um novo link para este livro.

Deixe seu comentário

Pesquisar

Mais Lidos

Blog