Maria Marta Dos Santos Silva Nóbrega & Outros (Orgs.) – Entrecruzando As Margens

Diálogos Entre Literaturas pesquisadores brasileiros sobre a multiplicidade cultural em textos produzidos em Portugal e em países africanos.

Maria Marta Dos Santos Silva Nóbrega, Marcelo Medeiros da Silva & Francisca Zuleide Duarte De Souza (Orgs.) – Entrecruzando As Margens: Diálogos Entre Literaturas

Entrecruzando As Margens: Diálogos Entre Literaturas congrega reflexões de diversos pesquisadores brasileiros sobre a multiplicidade cultural manifesta em textos produzidos em Portugal e em países africanos.

Um dos primeiros elementos de aproximação que buscam justificar o “entrecruzar de margens” (conforme sinaliza o título) é a repartição do espaço geográfico, que distancia cada uma das nacionalidades usuárias; e o enfoque diversificado das temáticas, que aponta, sobretudo, para o multiculturalismo, as questões de gênero, classe e etnia, bem como para o enfrentamento entre literaturas hegemônicas e contra hegemônicas.

Os dezesseis capítulos podem ser agregados em três blocos de discussão: o lugar da mulher, quer como protagonista de sua escrita ou como personagem que merece ter a sua condição de feminilidade discutida; as tênues relações entre literatura e história, como fio condutor da tessitura literária; e as representações discursivas de alteridade e multiculturalismo.

Os textos apontam algumas pistas que, respeitando-se as especificidades geográficas de cada uma das nações apresentadas, configuram uma opção estética denominada “Literatura Menor”, que, na perspectiva de Deleuze e Guattari, singulariza-se por ser produzida por uma minoria praticante de uma língua maior.

Nos limites desse e-book, a minoria é constituída por mulheres escritoras, por africanos que produzem textos em língua portuguesa e/ou francesa. Entretanto, esse procedimento não empobrece a produção, ao contrário, serve para elaboração de uma retórica autoafirmativa em que a expressão literária assume, ao mesmo tempo, o lugar da aproximação e o da diferença.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta

Maria Marta Dos Santos Silva Nóbrega & Outros (Orgs.) – Entrecruzando As Margens

Diálogos Entre Literaturas pesquisadores brasileiros sobre a multiplicidade cultural em textos produzidos em Portugal e em países africanos.

Maria Marta Dos Santos Silva Nóbrega, Marcelo Medeiros da Silva & Francisca Zuleide Duarte De Souza (Orgs.) - Entrecruzando As Margens: Diálogos Entre Literaturas

Entrecruzando As Margens: Diálogos Entre Literaturas congrega reflexões de diversos pesquisadores brasileiros sobre a multiplicidade cultural manifesta em textos produzidos em Portugal e em países africanos.

Um dos primeiros elementos de aproximação que buscam justificar o “entrecruzar de margens” (conforme sinaliza o título) é a repartição do espaço geográfico, que distancia cada uma das nacionalidades usuárias; e o enfoque diversificado das temáticas, que aponta, sobretudo, para o multiculturalismo, as questões de gênero, classe e etnia, bem como para o enfrentamento entre literaturas hegemônicas e contra hegemônicas.

Os dezesseis capítulos podem ser agregados em três blocos de discussão: o lugar da mulher, quer como protagonista de sua escrita ou como personagem que merece ter a sua condição de feminilidade discutida; as tênues relações entre literatura e história, como fio condutor da tessitura literária; e as representações discursivas de alteridade e multiculturalismo.

Os textos apontam algumas pistas que, respeitando-se as especificidades geográficas de cada uma das nações apresentadas, configuram uma opção estética denominada “Literatura Menor”, que, na perspectiva de Deleuze e Guattari, singulariza-se por ser produzida por uma minoria praticante de uma língua maior.

Nos limites desse e-book, a minoria é constituída por mulheres escritoras, por africanos que produzem textos em língua portuguesa e/ou francesa. Entretanto, esse procedimento não empobrece a produção, ao contrário, serve para elaboração de uma retórica autoafirmativa em que a expressão literária assume, ao mesmo tempo, o lugar da aproximação e o da diferença.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta


Desenvolvido pela Quanta Comunicação