Marcos Clair Bovo & Fred Maciel (Orgs.) – Os Fios Que Tecem A Teia

Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas traz importantes contribuições de diferentes áreas do conhecimento.

Marcos Clair Bovo & Fred Maciel (Orgs.) – Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas

Explorar a interdisciplinaridade é, ao mesmo tempo, um grande desafio e uma prática animadora. As dificuldades em superar esquemas rígidos bem estabelecidos e gerar resultados produtivos parecem compensadas pela rica janela de possibilidades de análise, de diálogo e de estímulo ao conhecimento.

A perspectiva de saberes mais inclusivos diante da complexidade dos fenômenos passados e atuais se revela, então, um aporte necessário tanto para pesquisas quanto para a ampliação da atuação acadêmica junto à sociedade.

Cada vez mais abordado, o olhar interdisciplinar pode ser considerado uma característica que paulatinamente se torna imprescindível na atividade científica e igualmente na construção de saberes. Indo além de uma hipotética crítica à excessiva especialização, nos interessa ressaltar os esforços a favor da ligação e interdependência entre campos e áreas do saber.

Do mesmo modo, não pretendemos tomar a interdisciplinaridade como um conceito determinante, solucionador de todos os problemas científicos existentes.

Dessa forma, nosso foco vai de encontro à percepção da integração dos saberes como produto intrínseco ao desenvolvimento histórico e científico da sociedade contemporânea, buscando reforçar uma justificativa oriunda das próprias demandas e problemas que nos rodeiam cotidianamente.

Partindo desse princípio, o livro Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas é uma proposição dos docentes e discentes do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar Sociedade e Desenvolvimento (PPGSeD) da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus de Campo Mourão, e agrega pesquisas concluídas e em desenvolvimento pelo programa e por pesquisadores próximos a ele.

Os temas apresentados nos capítulos são provenientes de reflexões teóricas e práticas de pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento científico e tem como eixo condutor a abordagem interdisciplinar. Tal abordagem está vinculada à área de concentração do programa – “Sociedade e Desenvolvimento” –, bem com às linhas de pesquisa do PPGSeD: 1) Formação humana, processos socioculturais e instituições e 2) Formação humana, políticas públicas e produção do espaço.

A primeira linha enfatiza os processos socioculturais articulados à formação humana, as relações dos sujeitos e as instituições buscando compreender as diferentes formas de sociabilidade e a constituição de identidade na contemporaneidade.

Já a segunda linha objetiva compreender a formação humana e as relações entre políticas públicas e espaço por meio das dimensões físicas, políticas, econômicas e sociais.

Assim sendo, se evidenciam os aspectos relacionados à educação, à linguagem, à cidadania, à participação social, na produção do espaço urbano e rural no contexto de uma sociedade globalizada.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta

Marcos Clair Bovo & Fred Maciel (Orgs.) – Os Fios Que Tecem A Teia

Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas traz importantes contribuições de diferentes áreas do conhecimento.

Marcos Clair Bovo & Fred Maciel (Orgs.) - Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas

Explorar a interdisciplinaridade é, ao mesmo tempo, um grande desafio e uma prática animadora. As dificuldades em superar esquemas rígidos bem estabelecidos e gerar resultados produtivos parecem compensadas pela rica janela de possibilidades de análise, de diálogo e de estímulo ao conhecimento.

A perspectiva de saberes mais inclusivos diante da complexidade dos fenômenos passados e atuais se revela, então, um aporte necessário tanto para pesquisas quanto para a ampliação da atuação acadêmica junto à sociedade.

Cada vez mais abordado, o olhar interdisciplinar pode ser considerado uma característica que paulatinamente se torna imprescindível na atividade científica e igualmente na construção de saberes. Indo além de uma hipotética crítica à excessiva especialização, nos interessa ressaltar os esforços a favor da ligação e interdependência entre campos e áreas do saber.

Do mesmo modo, não pretendemos tomar a interdisciplinaridade como um conceito determinante, solucionador de todos os problemas científicos existentes.

Dessa forma, nosso foco vai de encontro à percepção da integração dos saberes como produto intrínseco ao desenvolvimento histórico e científico da sociedade contemporânea, buscando reforçar uma justificativa oriunda das próprias demandas e problemas que nos rodeiam cotidianamente.

Partindo desse princípio, o livro Os Fios Que Tecem A Teia: Interdisciplinaridade, Diálogos E Pesquisas é uma proposição dos docentes e discentes do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar Sociedade e Desenvolvimento (PPGSeD) da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), campus de Campo Mourão, e agrega pesquisas concluídas e em desenvolvimento pelo programa e por pesquisadores próximos a ele.

Os temas apresentados nos capítulos são provenientes de reflexões teóricas e práticas de pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento científico e tem como eixo condutor a abordagem interdisciplinar. Tal abordagem está vinculada à área de concentração do programa – “Sociedade e Desenvolvimento” –, bem com às linhas de pesquisa do PPGSeD: 1) Formação humana, processos socioculturais e instituições e 2) Formação humana, políticas públicas e produção do espaço.

A primeira linha enfatiza os processos socioculturais articulados à formação humana, as relações dos sujeitos e as instituições buscando compreender as diferentes formas de sociabilidade e a constituição de identidade na contemporaneidade.

Já a segunda linha objetiva compreender a formação humana e as relações entre políticas públicas e espaço por meio das dimensões físicas, políticas, econômicas e sociais.

Assim sendo, se evidenciam os aspectos relacionados à educação, à linguagem, à cidadania, à participação social, na produção do espaço urbano e rural no contexto de uma sociedade globalizada.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta


Desenvolvido pela Quanta Comunicação