Marcos Adriano Barbosa De Novaes & Outras (Orgs.) – Educação Na Contramão

O livro Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política discute a relação entre educação, sociedade e economia.

Marcos Adriano Barbosa De Novaes, Daniela Glicea Oliveira Da Silva & Lúcia Helena De Brito (Orgs.) – Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política

O livro Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política discute a relação entre educação, sociedade e economia, considerando a relevância desta questão na atualidade e seus desdobramentos ídeo-políticos para a educação básica e superior no Brasil.

A complexa análise reúne uma abordagem onto-histórica realizada pelos escritos ancorados em reflexões comprometidas em desvelar o real com perspectivas educacionais emancipatórias.

Com efeito, a argumentação revela uma compreensão dos elementos contraditórios da sociedade capitalista, em que a economia ocupa o momento predominante no desenvolvimento humano em sua universalidade, isto é, o trabalho é o complexo que atende direta e simultaneamente às necessidades de reprodução social.

Os estudos em pauta elegem como ponto de partida a compreensão das relações sociais entre aparência e essência, pois na produção de mercadorias marcadas pela exploração humana não são dadas de modo imediato.

No capitalismo, diz Marx, o indivíduo aparece desprendido dos laços naturais. A compreensão do mais desenvolvido explica a diacronia e a sincronia dos processos históricos, das relações de produção, distribuição, troca e consumo.

Desse modo, engendram um intercâmbio arquitetado nos parâmetros da sociedade do capital, da concorrência, da apropriação privada da riqueza e sua concentração em poucas mãos. Assim, as diferentes escolas do pensamento econômico tratam de uma síntese, em forma de teoria social, para a explicação das características da realidade.

Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política está organizado em quatro capítulos, com características essenciais de confronto com a realidade, perseguindo a investigação ontológica. Embora tenham uma diversidade de temas, articulam-se como o fio condutor nessa unidade crítica-dialética.

O movimento empreendido pelos autores entende a práxis como resultado de determinações causais e atividade objetiva humana, desvelam as bases do pensamento econômico e a necessidade de sua apreensão para o entendimento da realidade.

Ademais, a educação segue sendo examinada sob os ditames do capital, através das propostas dos organismos internacionais e da oferta de uma formação aligeirada a ser direcionada à classe trabalhadora.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta

Marcos Adriano Barbosa De Novaes & Outras (Orgs.) – Educação Na Contramão

O livro Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política discute a relação entre educação, sociedade e economia.

Marcos Adriano Barbosa De Novaes, Daniela Glicea Oliveira Da Silva & Lúcia Helena De Brito (Orgs.) - Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política

O livro Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política discute a relação entre educação, sociedade e economia, considerando a relevância desta questão na atualidade e seus desdobramentos ídeo-políticos para a educação básica e superior no Brasil.

A complexa análise reúne uma abordagem onto-histórica realizada pelos escritos ancorados em reflexões comprometidas em desvelar o real com perspectivas educacionais emancipatórias.

Com efeito, a argumentação revela uma compreensão dos elementos contraditórios da sociedade capitalista, em que a economia ocupa o momento predominante no desenvolvimento humano em sua universalidade, isto é, o trabalho é o complexo que atende direta e simultaneamente às necessidades de reprodução social.

Os estudos em pauta elegem como ponto de partida a compreensão das relações sociais entre aparência e essência, pois na produção de mercadorias marcadas pela exploração humana não são dadas de modo imediato.

No capitalismo, diz Marx, o indivíduo aparece desprendido dos laços naturais. A compreensão do mais desenvolvido explica a diacronia e a sincronia dos processos históricos, das relações de produção, distribuição, troca e consumo.

Desse modo, engendram um intercâmbio arquitetado nos parâmetros da sociedade do capital, da concorrência, da apropriação privada da riqueza e sua concentração em poucas mãos. Assim, as diferentes escolas do pensamento econômico tratam de uma síntese, em forma de teoria social, para a explicação das características da realidade.

Educação Na Contramão: Contribuições Teóricas À Luz Da Economia Política está organizado em quatro capítulos, com características essenciais de confronto com a realidade, perseguindo a investigação ontológica. Embora tenham uma diversidade de temas, articulam-se como o fio condutor nessa unidade crítica-dialética.

O movimento empreendido pelos autores entende a práxis como resultado de determinações causais e atividade objetiva humana, desvelam as bases do pensamento econômico e a necessidade de sua apreensão para o entendimento da realidade.

Ademais, a educação segue sendo examinada sob os ditames do capital, através das propostas dos organismos internacionais e da oferta de uma formação aligeirada a ser direcionada à classe trabalhadora.

Clique para
Baixar o PDF

Deixe uma resposta