Elizabeth Maria Da Silva – Resumo Ou Resenha, Professora?

Este pequeno manual trata-se de um material didático que poderá servir de apoio para o estudo do resumo e da resenha.

Elizabeth Maria Da Silva – Resumo Ou Resenha, Professora?

Ante a essa minha autoanálise, me perguntei: do ponto de vista prático, o que eu posso fazer para contribuir um pouquinho mais com a formação dos meus alunos?

Como resposta, pensei: elaborar mais materiais didáticos, aplicá-los em sala de aula e promover diálogos-reflexivos entre mim, os estudantes e os textos.

À medida que produzia esse material para os meus alunos, ia pensando na possibilidade de compartilhá-lo com outros leitores, sejam estudantes, sejam professores, na esperança de que pudesse, de alguma forma, auxiliá-los no processo de ensino e aprendizagem da escrita, particularmente de textos pertencentes aos gêneros resumo e resenha produzidos em contexto acadêmico.

Decidi, então, produzir este livro: Resumo Ou Resenha, Professora? No entanto, quero informar desde já que o meu objetivo não é o de apresentar dicas, macetes, regras, modelos ideais de resumo e resenha que devem ser seguidos em quaisquer situações de produção textual.

Ora, os textos não são homogêneos nem uniformes, por isso parece-me complicado querer generalizar como se deve escrever em qualquer área do conhecimento, desconsiderando o inerente caráter flexível dos gêneros e suas especificidades, a depender da área.

Bakhtin já nos dizia que os gêneros são “tipos relativamente estáveis de enunciado”. Além disso, embora uma boa parte da produção escrita no ensino superior brasileiro seja orientada pelas normas da ABNT, nem sempre professores, editores de revista, organizadores de eventos acadêmicos as seguem completamente, por vezes, fazem ajustes ou optam por outras regras.

Nesse sentido, quando for produzir um texto, é fundamental se informar quanto às normas estipuladas para sua produção, considerando cada situação comunicativa: consulte as normas dos eventos, dos periódicos, das revistas, dos programas de pós-graduação, dos professores das disciplinas, etc.

Trata-se, assim, de um material didático que poderá servir de apoio para o estudo do resumo e da resenha, cuja produção ainda tem sido alvo de muitas dúvidas e dificuldades da maioria dos universitários brasileiros.


Deixe uma resposta

Elizabeth Maria Da Silva – Resumo Ou Resenha, Professora?

Este pequeno manual trata-se de um material didático que poderá servir de apoio para o estudo do resumo e da resenha.

Elizabeth Maria Da Silva - Resumo Ou Resenha, Professora?

Ante a essa minha autoanálise, me perguntei: do ponto de vista prático, o que eu posso fazer para contribuir um pouquinho mais com a formação dos meus alunos?

Como resposta, pensei: elaborar mais materiais didáticos, aplicá-los em sala de aula e promover diálogos-reflexivos entre mim, os estudantes e os textos.

À medida que produzia esse material para os meus alunos, ia pensando na possibilidade de compartilhá-lo com outros leitores, sejam estudantes, sejam professores, na esperança de que pudesse, de alguma forma, auxiliá-los no processo de ensino e aprendizagem da escrita, particularmente de textos pertencentes aos gêneros resumo e resenha produzidos em contexto acadêmico.

Decidi, então, produzir este livro: Resumo Ou Resenha, Professora? No entanto, quero informar desde já que o meu objetivo não é o de apresentar dicas, macetes, regras, modelos ideais de resumo e resenha que devem ser seguidos em quaisquer situações de produção textual.

Ora, os textos não são homogêneos nem uniformes, por isso parece-me complicado querer generalizar como se deve escrever em qualquer área do conhecimento, desconsiderando o inerente caráter flexível dos gêneros e suas especificidades, a depender da área.

Bakhtin já nos dizia que os gêneros são “tipos relativamente estáveis de enunciado”. Além disso, embora uma boa parte da produção escrita no ensino superior brasileiro seja orientada pelas normas da ABNT, nem sempre professores, editores de revista, organizadores de eventos acadêmicos as seguem completamente, por vezes, fazem ajustes ou optam por outras regras.

Nesse sentido, quando for produzir um texto, é fundamental se informar quanto às normas estipuladas para sua produção, considerando cada situação comunicativa: consulte as normas dos eventos, dos periódicos, das revistas, dos programas de pós-graduação, dos professores das disciplinas, etc.

Trata-se, assim, de um material didático que poderá servir de apoio para o estudo do resumo e da resenha, cuja produção ainda tem sido alvo de muitas dúvidas e dificuldades da maioria dos universitários brasileiros.


Deixe uma resposta


Desenvolvido pela Quanta Comunicação