Anderson Luis Camelucci – As Experiências De República No Município De Franca (1880-1906)

Neste livro, Anderson Luis Camelucci procura caracterizar as especificidades da propaganda republicana no município de Franca, procurando evidenciar como as características do repu­blicanismo local contribuíram para moldar as experiências de República nesse período. O autor realiza uma discussão sobre as relações e/ou as linhas de ação política traçadas pelos partidos políticos constituídos no município e esboça o perfil político da elite dirigente de Franca na última década do Império, a fim de avaliar tanto o “terreno” político em que a propaganda republicana se desenvolveu no município, como a adesão dos políticos locais ao novo regime. Camelucci demonstra também como grupos “marginalizados” e “dissidentes” da política local, por intermédio dos jornais Tribuna da Franca e Cidade da Franca, criticaram o “modelo” de República então vigente, e em quais momentos a imprensa local, principal­mente o jornal O Francano, saiu em “defesa” desse regime.


Deixe uma resposta

Anderson Luis Camelucci – As Experiências De República No Município De Franca (1880-1906)

Neste livro, Anderson Luis Camelucci procura caracterizar as especificidades da propaganda republicana no município de Franca, procurando evidenciar como as características do repu­blicanismo local contribuíram para moldar as experiências de República nesse período. O autor realiza uma discussão sobre as relações e/ou as linhas de ação política traçadas pelos partidos políticos constituídos no município e esboça o perfil político da elite dirigente de Franca na última década do Império, a fim de avaliar tanto o "terreno" político em que a propaganda republicana se desenvolveu no município, como a adesão dos políticos locais ao novo regime. Camelucci demonstra também como grupos "marginalizados" e "dissidentes" da política local, por intermédio dos jornais Tribuna da Franca e Cidade da Franca, criticaram o "modelo" de República então vigente, e em quais momentos a imprensa local, principal­mente o jornal O Francano, saiu em "defesa" desse regime.


Deixe uma resposta


Desenvolvido pela Quanta Comunicação