Amazônia(s) Vol. I: Diálogos Socioculturais E Socioeducativos – Parece ser aceitável que pensar a região amazônica, nos dias recentes, em termos de pesquisa acadêmica é pensá-la no plural. É chamar diferentes frentes do conhecimento, numa união de forças, para entender as variadas realidades que a conformam.
É, no mínimo, ousar abrir-se para diálogos diversos, com a ousada intenção de propor leituras interdisciplinares do lugar que habitamos.
Amazônia(s) é fruto de uma militância pessoal dos organizadores e autores pelos estudos sobre as Amazônias brasileiras, em especial, as do estado do Pará.
Ele é mais uma ferramenta de trabalho, no sentido de ajudar educadoras e educadores que lutam diariamente, muitas vezes em condições adversas, a fazer da sala de aula Amazônia afora, um espaço para articular a base nacional comum, exigida pela Ministério da Educação, aos conteúdos da base diversificada, que pode se fazer rica de histórias, memórias, saberes, patrimônios, linguagens e identidades locais.
Os capítulos que urdem Amazônia(s) foram alinhavados com base em deslocamentos epistemológicos, geográficos, históricos, culturais e educativos.
Eles trazem para o centro do palco “Amazônias: Diálogos Socioculturais e Socioeducativos”como tentativa de aproximar o mundo amazônico teórico-acadêmico, do mundo amazônico em sua polifonia e multifaces da vida-empírica.
Os textos vêm a público, então, como possibilidade de reunir pesquisadoras/es com olhares diferentes sobre o mesmo chão.
O desejo-síntese é o de colocar ao alcance dos sujeitos ativos do cotidiano da escola básica da região amazônica, possibilidades de interações, apreensões e incentivos a leituras contextualizadas de pontos importantes da dinâmica cultural e educativa constitutivos de nossos modos de viver, pensar, agir e fazer-se num mundo cada vez mais intercultural, mas que se constrói e se reelabora desde o local.
É importante destacar que um trabalho deste só é possível, porque um grupo de pesquisadores e pesquisadoras decidiu tirar um tempo em suas vidas para ajudar na composição das pesquisas aqui reunidas. Grande parte dos textos trata da região sudeste do Pará e dois deles do arquipélago de Marajó.

 

Camisa Vendo Mais Longe

Deixe uma resposta