Políticas Culturais Para As Artes é composto por textos que discutem as relações entre políticas culturais e artes, com análises de ações públicas voltadas ao potencial criativo dos cidadãos e propostas de ampliação e diversificação dos tradicionais mecanismos de fomento às artes.
A constituição de espaços de participação social e sua contribuição para a organização e articulação política de segmentos artísticos é temática recorrente dentre os artigos deste volume.
Em Políticas Culturais Para As Artes, a situação do fomento às artes no Brasil foi abordada de maneira geral e constante dentre os vários artigos, com foco nas políticas públicas contemporâneas do Brasil.
Recortes pontuais de abordagem e análises específicos também foram feitos a partir de um olhar focado na situação de algum segmento artístico (dança, teatro, grafite, literatura, audiovisual, música, dentre outros), ou de uma dimensão territorial, como as políticas municipais (Curitiba, São Paulo), estaduais (Bahia, Ceará), regionais (Amazônia) e até mesmo da cooperação internacional entre Brasil e França.
Abordagens regionais sobre o fomento às artes oferecem importantes contribuições para se pensar os desafios das políticas culturais no Brasil.
Esse é o caso do estudo sobre a formação técnica em artes na Bahia, com foco nos cursos técnicos de dança e música, que oferece aportes inovadores para pensar a formação técnica como objeto das políticas para as artes.
A análise dos alcances e limites da democratização do acesso à produção e difusão cultural na Amazônia reforça a importância de contemplar o custo amazônico no âmbito das políticas de cultura no Brasil.
Uma análise das características do trabalho artístico e seu mercado de trabalho hiper-reflexivo e precário também compõe este volume e permite identificar muitas ambiguidades presentes no mundo do trabalho contemporâneo a partir das recorrências no contexto e características do trabalho artístico.
O reconhecimento da diversidade presente no campo artístico e o desafio que isso representa para as políticas culturais são inquietações constantes nas reflexões e práticas aqui analisadas.

Baixe o volume I aqui e o II aqui.

Camisa Drummond

Deixe uma resposta