O Livro Ilustrado Dos Maus Argumentos – A literatura sobre lógica e falácias lógicas é ampla e variada. Existem diversos livros que se propõem a ensinar o leitor a utilizar as ferramentas e paradigmas que sustentam um bom raciocínio, de forma a produzir debates mais construtivos. No entanto, ler sobre o que não se deve fazer também é muito útil.
Em seu livro Sobre a escrita, Stephen King afirma: “Aprende-se mais claramente o que não se deve fazer por meio da leitura de prosa ruim.” Ele descreve essa experiência terrível como “o equivalente literário da vacina contra a varíola”. Já George Pólya teria afirmado em uma conferência sobre o ensino da matemática que, além de se entender bem a disciplina, é necessário saber como não entendê-la. Este livro trata fundamentalmente do que não se deve fazer em uma argumentação.
Diante das discussões cada vez mais absurdas nas redes sociais, Ali Almossawi resolveu resgatar uma dose – necessária e urgente – de lógica para a era da internet. O resultado é O Livro Ilustrado Dos Maus Argumentos, que explica, com divertidas ilustrações, as 19 principais falácias que tornam insustentáveis tantos argumentos e debates.
Em O Livro Ilustrado Dos Maus Argumentos você aprenderá a reconhecer frequentes abusos da razão, como a falácia do espantalho (em que se deturpa o argumento do outro para poder atacá-lo com mais facilidade), o apelo a uma autoridade irrelevante e a bola de neve (em que uma proposição é desacreditada sob a alegação de que levará inevitavelmente a uma sequência de eventos indesejáveis).
Os desenhos mostram animais cometendo erros de argumentação. O coelho acha que uma estranha luz no céu só pode ser um disco voador porque ninguém consegue provar o contrário (apelo à ignorância). O leão não acredita que a emissão de gases do gado prejudica o planeta porque, se isso fosse mesmo verdade e tivéssemos que eliminar as vacas, ele teria que comer grama, um resultado altamente indesejável (argumento a partir das consequências).
Assim, ficará mais fácil escapar das armadilhas da lógica que se espalham por todos os lugares, dos debates no Congresso aos comentários no Facebook. Indispensável para qualquer pessoa que cultive o hábito de ter uma opinião, este livro é um antídoto contra raciocínios fracos.

Camisa Guarda-Chuva

Deixe uma resposta