Tucídides – História Da Guerra Do Peloponeso

História Da Guerra Do Peloponeso tem em vista, mais particularmente, discutir, brevemente, os antecedentes remotos e próximos daquele grande e longo conflito que, opondo letalmente às duas principais cidades-estados da Hélade e seus respectivos aliados, gerou as condições que conduziriam ao declínio da Grécia clássica, à hegemonia macedônica e, a longo prazo, à final dominação da Grécia por Roma.

Arrasada pela guerra, Atenas jamais recuperou, depois de 404 a.C., sua precedente capacidade de liderança, não obstante um momento de relativo ressurgimento, no século IV com a denominada Segunda Liga Ateniense.

A guerra do Peloponeso, cuja história Tucídides escreveu, durou vinte e sete anos (431 a 404 a.C.), e envolveu praticamente todo o mundo helênico e outras regiões mais remotas com as quais a Hélade mantinha relações.

A morte impediu o autor de terminar a obra, interrompida no relato do vigésimo
primeiro ano da conflagração (411/410 a.C.).

A História Da Guerra Do Peloponeso se compõe em grandes linhas de cinco partes. A primeira (livro I) é uma alentada introdução, subdividida em um prefácio (capítulos 1 a 23) ilustrativo da importância da guerra do Peloponeso em comparação com as anteriores – a chamada “arqueologia” – e numa exposição do método histórico do autor, além de especulações sobre as causas da guerra com a menção das manobras políticas de ambos os lados, e de algumas digressões destinadas a reforçar a presunção de que o conflito era o resultado inevitável do aumento do poder de Atenas, visto com receios pelos peloponésios em geral e pelos lacedemônios em particular; a segunda (livros lI, III, IV e os capítulos 1 a 24 do livro V) corresponde ao segmento da conflagração chamado de “Guerra dos Dez Anos”; a terceira (livro V, do capítulo 25 até o fim) cobre o período da paz precária entre os atenienses e lacedemônios e respectivos aliados; a quarta (livros VI e VII) descreve a guerra na Sicília; finalmente a quinta (livro VIII) cobre parte da chamada “guerra da Decêleia” e o deslocamento das operações para a Ásia Menor.

 

Caneca Casinha Pink | Branca

Deixe uma resposta