Skip Dine Young – A Psicologia Vai Ao Cinema

A Psicologia Vai Ao Cinema oferece uma base significativa de pesquisa do cinema e da psicologia, assuntos que podem despertar o interesse de muita gente.

Skip Dine Young – A Psicologia Vai Ao Cinema: O Impacto Psicológico Da Sétima Arte Em Nossa Vida E Na Sociedade Moderna

Todos os filmes têm um conteúdo psicológico efervescente, explodindo de dramaticidade humana. Esse drama pode ser visto a partir de muitos ângulos diferentes – nos próprios filmes, nas pessoas que os criam e nas pessoas que os assistem.

A Psicologia Vai Ao Cinema investiga essas questões e aborda a maneira como os psicólogos têm interpretado os filmes e como a psicoterapia e os distúrbios psicológicos têm sido retratados no cinema.

O autor também examina a constituição psicológica de diretores lendários como Hitchcock, Scorsese e Woody Allen, e atores e atrizes como Jack Nicholson e Angelina Jolie.

O poderoso impacto que os filmes podem causar no público também é analisado. O autor recorre à sua extensa experiência nas áreas do cinema e da psicologia para revelar as profundas conexões entre o mundo de fantasia do cinema e as realidades da vida cotidiana.

No livro, o autor, professor de psicologia na Hanover College, em Indiana (EUA), fornece uma perspectiva interdisciplinar. Reúne psicologia, estudos culturais, com foco em cinema e comunicação de massa.

Desde o início, A Psicologia Vai Ao Cinema prende a atenção do leitor. O conteúdo amplo e profundo pode ser lido e aplicado em vários níveis de estudo.

Do cinéfilo que busca aprimorar seu olhar analítico para personagens emblemáticos e diretores de cinema de peso até estudantes de ciências sociais, por exemplo.

Escrita em estilo acessível, com exemplos vivos de sucessos de bilheteria, como O Silêncio dos Inocentes, O Mágico de Oz, Star Wars, Taxi Driver e Uma Mente Brilhante,A Psicologia Vai Ao Cinema traz indicação de outras referências para leituras adicionais, ao final de cada capítulo, visando maior exploração de diferentes áreas de pesquisa.

Assim, A Psicologia Vai Ao Cinema oferece uma base significativa de pesquisa do cinema e da psicologia, dois assuntos que podem despertar o interesse de muita gente.

Quem tomar contato com seu interessante conteúdo, que contempla ainda, ao final, bibliografia, filmografia e notas referentes aos filmes citados no livro, não vai resistir ao prazer de analisar o comportamento humano na tela grande. Afinal, por vezes, um filme marca tanto o espectador que reflete sobre ele por uma semana, um mês ou até por toda vida.


Deixe uma resposta