José Maria Mendes – Novas & Velhas Tendências No Cinema Português Contemporâneo
Que ideia do cinema têm os realizadores e produtores portugueses? O que pensam dos seus públicos nacionais e estrangeiros? Quais lhes parecem ser as suas maiores insuficiências e fraquezas?

Como se definem face ao art cinema e ao world cinema contemporâneos? O que os distingue da indústria cinematográfica dominante e do main stream? Que tipo de identidade pensam ter adquirido desde os tempos do cinema novo?

Como vêem o seu próprio futuro e o do cinema? Quem os influencia, e quem são os seus aliados e adversários nacionais e internacionais? O que os aproxima e o que os separa? Como se adaptaram ao fim tendencial da película e à era da convergência digital? Que pensam do actual ensino do cinema?

Novas & Velhas Tendências No Cinema Português Contemporâneo é o resultado de um projecto de investigação apoiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia e desenvolvido na Escola Superior de Teatro e Cinema, no âmbito do Centro de Investigação em Artes e Comunicação, com a colaboração de investigadores da Universidade do Algarve, esboça, nos seus textos introdutórios, nas entrevistas nele antologiadas e nas suas conclusões, respostas a estas e outras questões.

É ao mesmo tempo um inquérito à cultura organizacional do meio cinematográfico português e um retrato inter-geracional dos agentes criativos que contribuem para a definição dos perfis marcadamente sui generis da cinematografia portuguesa nestes primeiros anos do século XXI.

Novas & Velhas Tendências No Cinema Português Contemporâneo, coordenado por João Maria Mendes, é o principal resultado escrito do projeto de investigação “Principais tendências no cinema português contemporâneo”, desenvolvido entre abril de 2009 e março de 2012 no CIAC – Centro de Investigação em Artes e Comunicação da Universidade do Algarve e da Escola Superior de Teatro e Cinema (ESTC).

Digo escrito porque deste projeto resultou também a produção de seis curtas-metragens que depois comporiam a longa-metragem Um filme português, que estreou em outubro de 2011 no festival DocLisboa, e um conjunto de masterclasses com realizadores e produtores de cinema.

Novas & Velhas Tendências No Cinema Português Contemporâneo aparece estruturado em quatro partes: quatro textos compõem a introdução, 24 entrevistas a realizadores e produtores), nove ensaios e cinco textos finais que compõem as conclusões.

 

Caneca Mãe E Bebê Leitoras | Branca

Deixe uma resposta