Cleide Calgaro & Outros (Orgs.) – Consumo, Democracia E Meio Ambiente: Os Reflexos Socioambientais
Esta coletânea possui vínculo direto com a pesquisa “Direito socioambiental e o constitucionalismo democrático latino-americano” e o projeto “Meio ambiente, direito e democracia: para além do consumocentrismo numa sociedade pós-moderna”, que estão sendo desenvolvidos no Grupo de Pesquisa Metamorfose Jurídica, vinculado ao Mestrado em Direito, Centro de Ciências Jurídicas da Universidade de Caxias do Sul (UCS), dentro da linha de pesquisa “Direito ambiental e novos direitos”.
Por outro lado, a pesquisa também está sendo desenvolvida por professores, em nível de pós-doutorado – Direito –, como o Prof. Dr. Agostinho Oli Koppe Pereira, que o realiza na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos).
No mesmo contexto de estudos, a Profa. Dra. Cleide Calgaro também desenvolve pesquisas sobre o tema, em seu pós-doutorado – Direito – na Pontifícia Universidade Católica (PUC/RS).
O escopo da presente obra é apresentar ao debate da comunidade científica estudos, ensaios teóricos, debates conceituais sobre à temática estudada na pesquisa referida.
O livro não apresenta resultados das pesquisas, pois as mesmas não se encontram concluídas. O grupo de pesquisadores sentiu a necessidade de juntar, numa obra, opiniões e entendimentos de pesquisadores de distintas instituições – UCS; PUCRS; UNISINOS; IPH; FAMES; DOM HELDER CÂMARA; UPF, entre outras – sobre o tema pesquisado, possibilitando, assim, a ampliação das discussões sobre o consumo, a democracia e o meio ambiente, perfazendo as reflexões éticas e socioambientais sob vieses diferentes, englobando áreas como direito, sociologia, filosofia, biotecnologia, administração, engenharia, biologia entre outros.
Nesse contexto, a coletânea ora apresentada possui seus textos relacionados à linha de pesquisa “Direito ambiental e novos direitos”, do programa de Mestrado em direito ambiental da Universidade de Caxias do Sul.
Conforme se pode notar, pelos títulos dos capítulos e em suas exposições, todos estão articulados ao tema central, direito socioambiental, e permeiam com a discussão do consumo, do Direito, do meio ambiente e da democracia, buscando, através desses pontos comuns, a revisão crítica não só da bibliografia, como também da postura social do cidadão como partícipe do momento histórico moderno, em vias de ultrapassar os portais da sociedade moderna contemporânea, que levam à pós-modernidade.

 

Camisa “E Viva A Diferença!”

Deixe uma resposta