Herman Melville – Billy Budd & Benito Cereno

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

As duas novelas reunidas neste volume — Billy Budd e Benito Cereno — podem ser consideradas verdadeiramente representativas da arte poderosa de Melville. Ambas, histórias do mar. Histórias de navios e de marinheiros. Histórias de uma densa substância humana, impressionantes pela crispação dramática. Benito Cereno é um capitão espanhol feito prisioneiro no próprio barco por […]

Eduardo Galeano – Memória Do Fogo Vol. III

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

O Século Do Vento encerra a trilogia Memória do fogo. Neste trabalho poético, histórico, épico, fantástico, Eduardo Galeano – o autor de As veias abertas da América Latina, O livro dos abraços, Palavras andantes, entre outros – traça um painel vivo e emocionante da história latino-americana nos últimos quinhentos anos. Escritos com maestria, os três […]

Aurélio Buarque De Holanda & Paulo Rónai (Orgs.) – Contos Italianos

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Esta coletânea de Contos Italianos é uma deliciosa seleção elaborada e traduzida por dois bastiões das letras do Brasil: Aurélio Buarque de Holanda e Paulo Rónai. Composto por 18 contos, abrange desde o período medieval até os dias atuais onde figuram nomes bastantes conhecidos pelo grande público, tais como Bocaccio, Maquiavel, Verga e Pirandello. Da […]

Kathryn Ormsbee – Tash & Tolstói

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira, Literatura Infantojuvenil

Podemos encontrar respostas para tudo em nossos escritores favoritos… Até que as perguntas ficam complicadas demais. Natasha Zelenka é apaixonada por filmes antigos, livros clássicos e pelo escritor russo Liev Tolstói. Tanto que Famílias Infelizes, a websérie que a garota produz no YouTube com Jack, sua melhor amiga, é uma adaptação moderna de Anna Kariênina. […]

Thomas Mann – A Montanha Mágica

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Em A Montanha Mágica, Mann renova a tradição do Bildungsroman – o romance de formação – a partir da trajetória do jovem engenheiro Hans Castorp. Durante uma inesperada estadia em um sanatório para tuberculosos, Hans relaciona-se com uma miríade de personagens enfermos que encarnam os conflitos espirituais e ideológicos que antecedem a Primeira Guerra Mundial. […]

Kazuo Ishiguro – Os Vestígios Do Dia

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Em Os Vestígios Do Dia, do ganhador do prêmio Nobel de Literatura de 2017, o mordomo Stevens, já próximo da velhice, rememora as três décadas dedicadas à casa de um distinto nobre britânico, lord Darlington, hoje ocupada por um milionário norte-americano. Por insistência do novo patrão, Stevens sai de férias em viagem pelo interior da Inglaterra. […]

Liudmila Petruchévskaia – Era Uma Vez Uma Mulher Que Tentou Matar O Bebê Da Vizinha

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Nascida em Moscou em 1938, no seio de uma família de bolcheviques dissidentes, Petruchévskaia conheceu desde cedo as privações do período stalinista. Precisou se mudar algumas vezes na primeira infância, mas voltou definitivamente a Moscou aos nove anos. Começou a escrever ficção aos 32 anos, publicando em revistas e em samizdat, publicações clandestinas, muitas vezes […]

Gabriel Garcia Márquez – Memória De Minhas Putas Tristes

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Memória das Minhas Putas Tristes conta a história de um velho jornalista de noventa anos que deseja festejar a sua longa existência de prostitutas, livros e crónicas com uma noite de amor com uma jovem virgem. Inspirado no romance A Casa das Belas Adormecidas do Nobel japonês Yasunari Kawabata, o consagrado escritor colombiano submerge-nos, num […]

Gustave Flaubert – Madame Bovary

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Madame Bovary resultou num escândalo ao ser publicado em 1857. O livro “Romance Dos Romances “, Madame Bovary é considerado pioneiro dentre os romances realistas; não somente, o livro tornou-se famoso por sua originalidade, o qual posteriormente levou a cunhagem do termo de psicologia bovarismo, em referência as características psicológicas da protagonista da obra. Quando […]