Carmen Santana & Anderson Rosa (Orgs.) – Saúde Mental Das Pessoas Em Situação De Rua

Posted on Posted in Psicologia, Serviço Social

Saúde Mental Das Pessoas Em Situação De Rua – A proposição central desse livro é iniciar um processo de reflexão sobre as práticas profissionais no campo da Política de Assistência Social voltadas à população em situação de rua, particularmente aquela que apresenta o agravamento de sua condição de vida, em função do comprometimento de Saúde Mental.
O Sistema Único de Assistência Social (SUAS) concretiza a Política Nacional de Assistência Social (PNAS) nos cotidianos de trabalho, assim como inaugura um novo modelo de gestão, incorporando níveis de proteção social (Básica e Especial – média e alta complexidade) estruturados em uma matriz padronizada de serviços socio-assistenciais, definidos na Tipificação Nacional de Serviços Socio-assistenciais.
Tais serviços, assim como os benefícios socio-assistenciais, materializam as seguranças sociais de acolhida, renda, convívio, autonomia e sobrevivência, assegurando especificidade ao campo de atuação da Assistência Social na qualidade de Política Pública de Proteção Social no enfrentamento às vulnerabilidades e riscos sociais vivenciados por famílias e indivíduos.
Considerando este contexto, a presente publicação é, portanto, uma iniciativa no sentido de reconhecer a relevância do trabalho da Política de Assistência Social, diante da multidimensionalidade das manifestações da questão social particularmente na vivência de rua. Busca, ainda, fornecer subsídios para a construção de possíveis pactuações, articulações e complementaridades na ação intersetorial entre as políticas sociais voltadas à população em situação de rua que apresenta manifestações relacionadas à Saúde Mental.
Saúde Mental Das Pessoas Em Situação De Rua foi construído a partir das reflexões desencadeadas durante o processo formativo voltado aos profissionais dos serviços de abordagem, convivência e acolhimento à população de rua, executados de forma direta e conveniados com a SMADS. Desenvolvido por meio da parceria SMADS/UNESCO/UNIFESP/OAF o curso, sob a ótica dos profissionais da Saúde, forneceu aportes teóricos e conceituais, procurando assim, favorecer o processo de desmistificação de conceitos e a ressignificação das posturas profissionais no campo da Política de Assistência Social.
Para além de refletir sobre as possibilidades de abordagem e encaminhamentos entre as diversas políticas sociais, considerando as particularidades dos indivíduos e famílias, busca-se pautar a integralidade da atenção à população em situação de rua no acesso aos direitos sociais como eixo norteador das práticas profissionais.
Neste sentido, a direção ética, política e metodológica do livro é publicizar as atuais experiências de trabalho com esta população, considerando a presença do sofrimento psíquico, uma das expressões sociais que tecem a teia de desafios no desenvolvimento do trabalho social da Política de Assistência Social.

Camisa Pilha De Livros

Deixe uma resposta