Este livro traz dois assuntos que, no campo da Educação, sempre fomentam debates: Análise do Comportamento e Avaliação da Aprendizagem.
A primeira porque, frequentemente, é relacionada a apontamentos estereotipados, que na maioria das vezes já foram superados conceitual e metodologicamente dentro do próprio escopo do behaviorismo radical que, diferenciando-se de outras formas de behaviorismo, sofre com críticas, que segundo literatura especializada, equivocadas.
A segunda por, em tempos de avaliação em larga e ranqueamentos educacionais, demandar ao professor práticas que nem sempre fora formado para exercê-las, além de, por vezes, se prestar ao papel nada democrático de instrumento de exclusão.
No entanto, como fato temos que a Análise do Comportamento tem muito a dizer à formação de professores no que diz respeito a avaliar para muito além de práticas excludentes, e neste livro mostraremos isso.
Para tanto, descrevemos uma pesquisa que admite repertórios para execução de análise funcional descritiva, como recurso de avaliação da aprendizagem em matemática, se constituiriam em exemplos de saberes docentes.
Esses são admitidos pela literatura como relevantes modalidades de conhecimentos envolvidos nos processos de aprendizagem profissional da docência. Nesse sentido, o estudo aqui descrito avalia a aquisição desta modalidade de saber docente por professoras com distintas formações pedagógicas e que ensinam matemática no ensino fundamental.
Os resultados documentam possíveis contribuições conceituais e metodológicas da Análise do Comportamento para orientações epistemológicas que salientam o desenvolvimento de saberes docentes para avaliar no processo de formação profissional de professores que ensinam matemática.
Nos capítulos seguintes, na sequência, são apresentadas perspectivas e pesquisas em formação de professores que ensinam matemática, modelos epistemológicos na investigação sobre os saberes envolvidos e necessários à prática docente e finalmente as contribuições do referencial teórico da Análise do Comportamento para o ensino de Matemática e mais especificamente sobre como um recurso metodológico de avaliação, Análise Funcional Descritiva, pode oferecer elementos ou informações relevantes à prática docente.

Deixe uma resposta