No período relativamente curto de 150 anos, nossas vidas em casa e no trabalho foram transformadas por completo por novos produtos e serviços.
Uma das razões para essa revolução pode ser atribuída à inovação. Mas o que é inovação? Apenas uma ideia aplicada com êxito? E como e por que ela afeta nossas vidas tão profundamente?
Diante de um tema tão amplo, os renomados estudiosos Mark Dodgson e David Gann, fazendo uso de uma linguagem clara e acessível, discutem como a inovação ocorre, o que e quem a estimula, como ela é perseguida e organizada e quais são seus resultados, sejam positivos ou negativos.
Aqui, entenderemos também de que forma a nossa compreensão do que é inovação se desenvolveu ao longo do tempo e como esse entendimento pode ser usado para lidar com os desafios globais que enfrentaremos no futuro.

Quando nascemos, não muito tempo atrás, não havia tecnologias da informação nem redes de televisão, e a viagem aérea era rara e exuberante. Nossos pais nasceram em um mundo ainda mais diferente do que o atual, em que a televisão ainda não fora inventada e não havia penicilina nem comida congelada.
Quando nossos avós nasceram, não havia motores de combustão interna, aviões, cinemas nem rádios. Nossos bisavós viveram em um mundo sem lâmpadas, carros, telefones, bicicletas, refrigeradores e máquinas de escrever, e é provável que suas vidas tenham tido mais em comum com a de um camponês romano do que com a nossa.
No período relativamente curto de 150 anos, nossas vidas em casa e no trabalho foram transformadas por completo por novos produtos e serviços. O motivo pelo qual o mundo mudou tanto pode ser explicado, em grande medida, pela inovação.
Esta obra, uma breve introdução ao tema, define inovação como ideias, aplicadas com êxito, e explica por que ela tem a capacidade de nos afetar de modo tão profundo. Descrevemos como a inovação ocorre, o que e quem a estimula, como ela é perseguida e organizada e quais são seus resultados, sejam positivos ou negativos.
Argumentamos que a inovação é crucial para o progresso socioeconômico e que, apesar disso, representa um desafio enorme e está permeada pelo fracasso. Descrevemos que a inovação tem muitos colaboradores e assume formas distintas, o que aumenta sua complexidade.

Deixe uma resposta