Com a leitura dos textos fica evidente que a pesquisa acadêmica serve ao propósito transformativo da realidade ao articular teses e argumentos jurídicos na construção de teorias e extração de conclusões que permitam a efetiva concreção dos valores constitucionais de solidariedade e respeito aos direitos fundamentais trabalhistas. A lógica argumentativa constitucional é recorrente em todos os textos, não obstante a extensão temática. Esse liame básico é testemunho da postura altiva dos autores frente ao desafio diário de defender a ordem jurídica atuando de forma a realizar a promessa constitucional de uma sociedade mais livre, justa e solidária.
Outro diferencial da obra é a multiplicidade de temas, tanto em questões de direito material do trabalho como em direito processual do trabalho. Em ambas as searas, o enfoque é predominantemente prático e atual, exatamente por serem trabalhos que decorreram de estudos voltados ao curso de formação dos autores. São recorrentes os insights de como o estado da arte da teoria jurídica se correlaciona com a atuação concreta de membro do Ministério Público do Trabalho.
Esse conjunto de visões e temáticas complementares consubstancia obra que se torna leitura essencial para os juristas com interesse na área trabalhista e interessados na atuação do Ministério Público do Trabalho. Considerando, finalmente, a qualidade dos textos, só resta esperar com ansiedade a produção acadêmica futura e as atuações institucionais que os autores por certo vão ultimar, engrandecendo com isso o Ministério Público do Trabalho e melhorando a nossa realidade.

Deixe uma resposta