Ivanaldo Santos (Org.) – Discurso E Ensino

Posted on Posted in Educação, Filosofia, Linguística

O livro Discurso e ensino: olhares interdisciplinares visa refletir e repensar a relação complexa e interdisciplinar entre o ser humano, a sociedade, a linguagem e o ensino; conforme deixa claro na Introdução o Organizador – Ivanaldo Santos.
O livro faz incursões sobre várias áreas do conhecimento. Apresenta vários pontos de confluência entre a Análise de Discurso e o Ensino. As reflexões aqui contidas ultrapassam a compreensão da língua como um sistema abstrato e formal pois, englobam teorias, contextos, lugares, sentidos e a própria palavra em movimento.
Merece destacar que diversos conteúdos desenvolvidos neste livro foram objeto de estudo, análise e investigação realizada no âmbito da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) no Campus de Pau dos Ferros, notadamente, no Grupo de Estudos do Discurso (GRED), no Programa de Pós-Graduação em Letras (PPGL) e no Programa de Pós-Graduação em Ensino (PPGE), que desenvolvem estudos e uma investigação interdisciplinar sócio-discursiva com saberes e estruturas sociais diferentes.
A originalidade e a forma que os autores abordam os conteúdos torna o livro instigante e a leitura muito agradável. As reflexões sobre a leitura do cordel na escola; da indústria cultural e o rock brasileiro; da identidade da mulher nordestina na letra da música Galera da Rodinha da banda Aviões do Forró nos oferecem reflexões sobre a construção de imagens elaboradas pela nossa sociedade bem como conhecimentos sociológicos, filosóficos e pedagógicos que são relevantes não só para o profissional da educação mas, para o público em geral pois, tratam de questões cruciais para a nossa sociedade, portanto, são questões que, de forma direta ou indireta, diz respeito a a vida do cidadão.
O livro traz também reflexões epistemológicas, filosóficas, sobre os direitos humanos; a natureza fenomenológica; na ética e na bioética, portanto, reflexões extremamente relevantes para a produção do conhecimento e o agir do profissional da educação. Nos convida a pensar sobre o ethos da figura de Padre Cícero e o paradoxo ético em Paul Ricoeur; construção dos sentidos nas charges a partir de um olhar bakhtiniano. Contempla análises discursivas em Maingueneau e também sobre a imagem do Nordeste presente na literatura de cordel.

Deixe uma resposta