Frédéric Bastiat – A Lei

Posted on Posted in Ciências Sociais

Por que a instituição que faz cumprir a lei não obedece a lei? Por que a lei permite que o estado pratique atividades que são consideradas ilegais para os indivíduos? Estas são algumas das mais intrigantes questões em filosofia político-econômica.
Particularmente, a questão da lei que viola a moral é central para a compreensão da filosofia estatista. Bastiat, nesta obra de 1850, discute a crucial questão de como auferir se determinada lei é injusta. Também define as situações em que o estado comporta-se como contraventor.
Bastiat discute profundamente, e com grande capacidade de síntese, estas e outras questões neste texto que parece ter sido escrito nos dias de hoje. O ensaio é eterno pois se aplica sempre que o estado descumpre as leis que os indivíduos devem seguir.
Frédéric Bastiat foi o grande proto-austrolibertário cujas análises polêmicas ridicularizavam todos os clichês estatistas. Seu desejo primordial como escritor era passar às pessoas, da maneira mais prática possível, a urgência moral e material da liberdade.

Deixe uma resposta