Gilberto César Lopes Rodrigues – In-form-ação: Do Paradigma Causal Ao Paradigma Informacional Na Explicação Da Ação

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Comunicação

O livro procura contribuir para uma reflexão crítica acerca da natureza da informação, mais precisamente do seu conteúdo ontológico. O autor discute algumas abordagens conceituais da informação, dentre elas aquela subjacente à Teoria Matemática da Comunicação, as de Dretske e Juarrero e a implícita no pragmaticismo exposto por Peirce. Uma segunda contribuição está na reflexão sobre a natureza da ação, ancorada em abordagens informacionais. Para o autor, inegavelmente, informação e ação estão profundamente relacionadas, já que além de exercer influências sobre a ação, a informação também é utilizada como suporte conceitual para perspectivas explicativas da ação.O trabalho ainda se debruça sobre o novo caráter da informação, que virou mercadoria de elevado valor político, social e econômico. O seu domínio, a sua obtenção e a sua distribuição são frequentemente utilizados como parâmetro para definir o poder ou o grau de progresso de um indivíduo ou grupo social. O seu controle costuma também gerar ações, individuais ou coletivas, por vezes benéficas, outras vezes altamente destrutivas.

Patricia Highsmith – O Garoto Que Seguiu Ripley

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Tom Ripley é abordado na rua por um garoto que fugira dos Estados Unidos depois de matar o pai. Intrigado com a inocência do jovem “assassino”, Ripley decide hospedá-lo quando percebe que o menino está sendo seguido. Em pouco tempo, cresce entre os dois uma relação de cumplicidade, e eles viajam a Paris e depois a Berlim às escondidas. Mas ali descobrem que há mais gente interessada no garoto. Daí para a frente, o destino do menino passa a depender da astúcia e do sangue-frio de Ripley.
Charmoso, culto, rico, mas extremamente amoral, Tom Ripley é um dos mais talentosos e sedutores assassinos da literatura policial. Admirado pela crítica e pelo público, Ripley já foi interpretado no cinema por Alain Delon, Dennis Hopper, Matt Damon e John Malkovich.

Monteiro Lobato – A Onda Verde

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Ecologia, Economia, Literatura

A onda verde’ tem como assunto o café que, como uma onda verde, do Rio de Janeiro espalhou-se por todo o estado de São Paulo, mostrando-se necessário e decisivo para o progresso da economia do país. É neste cenário que Monteiro Lobato situa suas críticas contra a influência norte-americana e procura fazer considerações sobre a literatura, o dialeto caipira e a perturbação da natureza causada pelo homem.

Euclides Da Cunha – Contrastes E Confrontos

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, História

Esta nova edição de Contrastes e confrontos contém um conjunto de textos publicados inicialmente na imprensa sobre os primeiros momentos da República e seus personagens, abordando também a política internacional e a integração da Amazônia ao Brasil. Alguns textos tratam de questões nunca resolvidas em nosso país, como os meios de transporte e a ocupação do solo, a demonstrar a atualidade, no século XXI, desses ensaios euclidianos.
Contrastes e confrontos é um livro que, junto com Os sertões, confirma a permanência e a atualidade de Euclides da Cunha na realidade brasileira contemporânea.

Isaac Bábel – Contos De Odessa

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

No alvorecer do século XX, Odessa, na Ucrânia, era uma dessas cidades que, como Paris e Nova York, atraíam todo mundo: comerciantes do Leste, marujos, minorias, estudantes, bandidagem. A cidade portuária fervilhava; os jornais estampavam notícias sensacionalistas e a população se amontoava em cortiços. O sublime e o grotesco apareciam em um simples passeio pelas ruas.
É este mundo que vem à tona nos contos de Isaac Bábel. Em uma prosa sintética e cortante, o escritor – que renovou a narrativa curta – captura a vida da cidade, com foco na comunidade judaica. Como em um filme de Tarantino, figuras violentas e burlescas de ladrões e mafiosos cômicos aparecem registradas de maneira quase jornalística.

David Goodis – Atire No Pianista

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Estrangeira

Eddie vem de uma tradicional família de marginais. Mas conseguiu escapar ao que parecia ser um destino inevitável e chegou a se apresentar como pianista clássico em teatros do calibre do Carnegie Hall de Nova York. Mas as coisas deram errado, e ele acabou em um bar suspeito na Filadélfia, tocando para bêbados e perdidos. Até que duas pessoas entram em sua vida medíocre porém segura: uma delas, prometendo-lhe um futuro. A outra, tentando arrastá-lo de volta a um passado perigoso.
Publicado originalmente em 1956, sob o título de Down there, este romance é considerado por muitos a obra-prima do norte-americano David Goodis (1917-1967), um dos mestres da literatura noir ao lado de Dashiell Hammett, Raymond Chandler, Chester Himes e Ross Macdonald. Poucos autores mergulharam como ele na alma e no sofrimento dos excluídos, marginais e demais figurantes dos ambientes sórdidos e miseráveis que compõem o lado escuro do sonho americano. Com um enredo ao mesmo tempo simples e vertiginoso, Goodis prende o leitor do início ao fim desse romance sobre lealdade, paixão e destino.

Caio Ribeiro Pereira – Meteor: Criando Aplicações Web Real-Time Com JavaScript

Posted on 2 CommentsPosted in Ciências Da Computação, Informática, Internet

O JavaScript já é uma opção real de desenvolvimento server-side. Trabalhar com a mesma linguagem que utilizamos no front-end é também uma grande vantagem. Diversos frameworks surgiram e, sem dúvida, o Meteor é que mais se destaca.
Neste livro, venha desenvolver sua própria rede social do zero implementando funcionalidades que interagem em tempo real, além de também aprender a trabalhar com diversos componentes nativos do framework que visam agilizar a prototipagem da aplicação, utilizando o Meteor 1.1.x.
Também veremos como lidar tarefas do dia a dia como criação de templates com Handlebars; integração com a API do Facebook para autenticação e cadastro de usuários; utilização do banco de dados não-relacional MongoDB; e programação orientada a eventos, utilizando PubSub nativo do Meteor.

Link retirado a pedido do autor.

Ivana Jinkings (Coord.) – Marx: A Criação Destruidora (Curso De Introdução À Obra De Slavoj Žižek)

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Filosofia

Diante das consequências da crise econômica global e da nova configuração política no Brasil e no mundo, o que Marx tem a nos ensinar hoje? Como a sua vasta obra, principalmente O capital, pode contribuir para entender e transformar o nosso tempo? Para debater a atualidade e a pertinência da produção teórica desse gigante da filosofia, a Boitempo Editorial e o Sesc realizam durante os meses de março a maio o projeto MARX: a criação destruidora, que reunirá alguns dos mais renomados especialistas da tradição marxista, com destaque para o filósofo esloveno Slavoj Žižek, o geógrafo britânico David Harvey e o cientista político alemão Michael Heinrich, integrante do projeto MEGA-2 (Marx-Engels-Gesamtausgabe), instituição detentora e curadora dos manuscritos de Karl Marx e Friedrich Engels.

Clóvis De Barros Filho & Gustavo Fernandes Dainezi – Devaneios Sobre A Atualidade Do Capital

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Economia

O livro é uma compilação – revista e atualizada – de uma série de conferências do professor Clóvis de Barros Filho sobre o pensamento de Karl Marx. Esta é a edição original, com o relato da conversa entre William Bonner e Gilmar Mendes. Edições posteriores foram censuradas judicialmente a pedido do Ministro do STF.

Marcos Palacios & Beatriz Ribas – Ensino Do Jornalismo Em Redes De Alta Velocidade

Posted on Leave a commentPosted in Comunicação, Informática, Internet

Este livro apresenta discussões filosóficas e metodológicas em torno da prática do ensino do jornalismo na Web. A coletânea está articulada em dois níveis – o teórico-conceitual e o aplicado. Além disso, relata experiências pautadas na aplicação pedagógica de outras ferramentas disponíveis na Internet, como é o caso dos blogs e na produção de testes práticos de softwares, especialmente desenhados para a docência do webjornalismo (plataformas de ensino e publicação).

Rodrigo De Souza Leão – Carbono Pautado: Memórias De Um Auxiliar De Escritório

Posted on Leave a commentPosted in Literatura Brasileira

Carbono pautado relata a divertida história de um jovem em seu primeiro emprego: um banco, bastante burocrático, com funcionários relapsos e, aos olhos do protagonista, possuidores de alguma loucura. O romance, baseado na vida do autor, falecido em 2009, foi escrito quando ele começou a demonstrar os primeiros sinais de esquizofrenia, que marcariam sua produção literária.

Paula Mendes Lacerda – Mobilização Social Na Amazônia: A Luta Por Justiça E Por Educação

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Educação

Os textos reunidos na coletânea tratam sobre mobilização social na Amazônia brasileira e confluem em torno de um desdobramento específico que são os processos históricos e contemporâneos por meio dos quais trabalhadores rurais, quilombolas, indígenas, mulheres, afetados por grandes projetos, entre outras categorias identitárias utilizadas pelos sujeitos e por seus coletivos políticos, reivindicam o que constroem como sendo seus direitos.
Estudar os movimentos sociais a partir da Amazônia significa trilhar um caminho não óbvio quando se trata de estudar Amazônia. Significa, ainda, empreender um esforço rumo à compreensão dos processos históricos das diferentes regiões que a compõem, sendo possível, com isso, vislumbrar os efeitos sociais dos projetos governamentais ali aplicados, conhecer a trajetória de formação política muitas vezes estimulada por religiosos católicos e visibilizar as reivindicações, as expectativas e os sonhos das pessoas que estão “na luta” apesar dos desgastes constitutivos da “caminhada” e das ameaças de morte, que lamentavelmente tornam-se cada vez mais frequentes.

Bruno Pacheco De Oliveira – Quebra A Cabaça E Espalha A Semente: Desafios Para Um Protagonismo Indígena

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais

Esta pesquisa apresenta algumas experiências e ações voltadas para os jovens e profissionais indígenas, trazendo as novas tecnologias de comunicação para o dia a dia dos povos indígenas, considerando sua diversidade, os desafios da economia e do meio ambiente. A apropriação das novas ferramentas técnicas que servem a toda a humanidade é fundamental para promover uma interação positiva dos jovens indígenas, seja entre eles, seja em sua atuação nas várias esferas sociais locais, nacionais e globais.
Para operar as mudanças necessárias à construção de um mundo melhor, o sociólogo italiano Alberto Melucci destaca o papel central dos jovens e adolescentes como atores-chave da mudança nas sociedades complexas. Para justificar essa afirmação ele se baseia em dois conceitos. O primeiro, relativo à mudança nas sociedades complexas pós-industriais que subjugou os valores materiais aos valores simbólicos, instituiu o poder por meio de investimentos cognitivos e culturais apresentados em sistemas de informação de alta densidade. O segundo trata da descontinuidade que se tornou uma experiência comum à juventude que, por suas condições culturais e biológicas, é o grupo social mais exposto a estes dilemas. Podemos observar que a adolescência é o momento da vida onde o tempo passa a ter um caráter determinante na formação da identidade, entre os conflitos das passagens da infância para a vida adulta.

Série Meio Ambiente Nº 3: Agroecologia

Posted on Leave a commentPosted in Agroecologia, Biologia, Botânica, Ecologia, Quadrinhos

As Cartilhas agroecológicas da série Meio Ambiente foram elaboradas levando em consideração 8 temas: Proteção de nascentes, Conservação do solo, Sistemas Agroflorestais, Reserva Legal, Agroecologia, Adequação Ambiental, Controle de pragas e doenças e Adubação.
De maneira bem didática, os assuntos são abordados em forma de história em quadrinhos. Elas são excelentes materiais para todos os públicos, principalmente para agricultores do campo e da cidade.
Cartilha Agroecologia: Aprenda sobre os princípios agroecológicos de produção de alimentos. A agroecologia pode ser aplicada tanto no campo quanto na cidade.

Maria Nilza Da Silva & Jairo Queiroz Pacheco (Orgs.) – O Negro Na Universidade: O Direito À Inclusão

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Sociais, Educação

As reflexões sobre as Políticas de Ação Afirmativa que fazem parte deste livro mostram não só o avanço do debate sobre a realidade
da população negra brasileira, mas também apresentam elementos incontestáveis que justificam as políticas que visam a correção da histórica injustiça cometida (mais…)

André Falcão Do Rêgo Barros & Outros – Observatório De Recursos Humanos Em Saúde No Brasil: Estudos E Análises Vol. I

Posted on Leave a commentPosted in Administração, Enfermagem, Medicina, Saúde

Esta publicação representa parte do esforço desenvolvido por instituições acadêmicas brasileiras que tratam de investigar aspectos relacionados ao objeto “Recursos Humanos em Saúde”, ofertando ao universo investigativo e de gestão dos serviços, parâmetros úteis ao dia-a-dia dos interessados por tal temática.

Jair Minoro Abe (Org.) – Tópicos De Sistemas Inteligentes Baseados Em Lógicas Não-Clássicas

Posted on Leave a commentPosted in Ciências Da Computação, Informática

Neste livro são reunidos os trabalhos complementares e convidados que não puderam ser incluídos relativos ao II Workshop on Intelligent Computational Systems (WICS-2014) que se realizou nas dependências da Universidade Paulista, Campus Indianópolis, em 17 de março de 2014. A realização foi patrocinada pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção da Universidade Paulista e teve o apoio institucional da Vice-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade Paulista, bem como do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo.
A obra compõe-se de contribuições de docentes pesquisadores e discentes de Doutorado. Eles escreveram sobre temas atuais em Computação Inteligente, uma área que vem se estabelecendo de forma sólida na área de Inteligência Artificial ou Sistemas Inteligentes, aliada às Lógicas Não-clássicas, pano de fundo dos tópicos de estudo.

Gaston Bachelard – Coleção Os Pensadores

Posted on Leave a commentPosted in Filosofia

Um dos filósofos de maior influência no mundo contemporâneo, Bachelard tem como ponto de partida de suas idéias uma filosofia das ciências naturais, especialmente da física. Originam-se nesse campo suas contribuições à epistemologia e à poética, para cuja interpretação também se vale dos recursos metodológicos da psicanálise.
Contrário às posições do substancialismo, chama a atenção para a complexidade das teorias científicas, que reflete antes de tudo a própria complexidade do real, obrigando o filósofo da ciência a refutar as simplificações dos racionalistas.
Em sua obra principal, O novo espírito científico, observa que este, ao mesmo tempo em que escapa à preponderância da imagem – característica na Antiguidade e na Idade Média -, também escapa à preponderância do esquema geométrico, peculiar aos tempos modernos: o “novo espírito científico” tende então para o concreto, não porque se abandone ao irracional, mas porque tenta ampliar o alcance da razão.
Invertendo uma proposição kantiana, Bachelard vê o futuro da razão como um produto do trabalho teórico dos homens. O verdadeiro, categoria central da ciência, é, assim, através das mudanças e revoluções científicas, um produto que foge ao domínio de seus produtores, impondo-lhes a consciência de que o maior obstáculo para a definição de uma verdade nova é aquilo que descobriram antes e registraram.