Lívia Maschio Fioravanti – Da Periferia À Centralidade: Reestruturação Do Espaço E Valorização Imobiliária No Bairro Do Jaguaré, São Paulo

Posted on Posted in Ciências Sociais, Geografia, Urbanismo

capa_liviafioravanti

Durante os últimos quarenta anos o distrito do Jaguaré, na zona oeste do município de São Paulo, tem sofrido intensas transformações sócio-espaciais: deixou de ser periférico e essencialmente industrial para se tomar espaço privilegiado para a construção de empreendimentos imobiliários e estratégico ponto de passagem para outros bairros e cidades próximas à medida que avenidas foram construídas. O distrito passa por forte valorização imobiliária devido à sua grande acessibilidade para outros pontos da cidade – está próximo de municípios que compõem a Região Metropolitana de São Paulo, é delimitado pela Marginal do Rio Pinheiros e apresenta fácil acesso para rodovias que conectam a capital com o interior paulista – e à concentração de áreas verdes em seu entorno, representadas principalmente pelo Parque Villa Lobos e pela Cidade Universitária. O Jaguaré consolida-se como uma nova centralidade na cidade de São Paulo, reiterada com as intervenções urbanísticas previstas pela Operação Urbana Vila Leopoldina-Jaguaré. Por meio de levantamento bibliográfico e da realização de trabalhos de campo, pretende-se analisar a produção do espaço do Jaguaré a partir da passagem do capital industrial para o capital financeiro, atualmente articulado ao setor imobiliário. A partir do distrito do Jaguaré, será investigado como os interesses econômicos do capital se relacionam com os interesses políticos do Estado e fundamentam a apropriação privada do espaço e a fragmentação e valorização do solo urbano.

pdf

Deixe uma resposta